Um grupu de impresarius de Rússia kre cumpra TACV. Mas formalizason djuntu de governu só tá bem ser na próximo anu.
Anúnciu de privatizason de TACV sta atrai interessi de impresarius Russu djuntu de nôs bandera nacional. Um grupo de impresarius de kel país euroasiáticu ki tá bem tem pelu menus um caboverdianu envolvidu sta a alguns mês tá pripara ses dossier pá apresenta candidatura na compra de operadora aérea cabuverdiana.
Proposta formal nu entantu tá bem ser apresentadu djuntu de governu na kes primeru mês de proximu anu más ainda na tempu dês ser incluidus na lista de pretendentis ki kre fazi parti de capital de TACV. Benda de assons de estadu sta ser reforsadu pá primeru ministru Ulisses Correia e Silva ki sta garanti ma Benda dês companhia aérea tem ki ser fetu ku urgência tendu em conta passivu de 120 mil contus e txeu dívidas acumuladus.
Chefi de governu adianta ainda má tá ser privatizadus rotas internacional sima Portugal, Holanda, Brasil, EUA, Guiné Bissau ku senegal, dja ki tá fica abertu ligason entri ilhas. Um de kes proposta é ki Tacv dexa de fazi voos domésticus dja ki Binter tá garanti kes ligason internas, assi tá evita Maximus despesas pá companhia dja kes tem ki tá bem dispidi sima foi anunciadu cerca de 150 trabadjadores antis de ser fetu privatizason.
És proposta sta agrada kel grupo Russu interessadu na companhia pá vantagem dês bem podi fazi voos transatlânticus sem escala ( ETOPS) e bem ser um ” mina de ouru” ses bem djunta ku putência regional.
Sima dja nu refiri, proposta inda ka foi formalizadu mas casu bem contici tá bem mexi ku txeu interessis clarus e obscurus ki sta pá trás de Tacv. Num altura ki sta txeu presson exterior sima de ( GAO, Banco Mundial e FMI) ki sta exigi saída de estadu de companhia e presson internus de alguns quadrantis ki sta fala na likidason de empresa.
Além de russus otus potenciais conxidus sima impresa Chinesa, consórcio TAAG/Emirates. Processu de privatizason devi sigui um prugrama difinidu pá guvernu ki tá ingloba inda venda de assons publikus na Electra, Cabnave ku ASA.
Programa de privatizason tá abrangi setoris de agu, energia, transporti, portos, telecumunicason ku produson e comercializason de medicamentus.

“Cabofree”